terça-feira, dezembro 24, 2013

O Ano em que o Mundo Acabou



Pois é...Era suposto o mundo acabar em 2012!!!
No meu caso o Apocalipse foi em 2013!!!

Quando comecei o Ano, tinha a certeza que precisava de mudar mas nunca pensei k as mudanças fossem tão profundas e radicais...

Foi um ano de escolhas dificeis que nunca pensei virem a ser tão destrutivas. Quando agimos sem estar em sintonia com as nossas emoções e com os nossos valores ficamos sem fundações para suportar as consequencias que impreterivelmente se seguem... Pensar que poderia ter sido diferente só torna a situação mais insuportavel... A pior traição é a que cometemos a nós proprios...Mas foram essas escolhas que impulsionaram uma serie de eventos que me trouxeram grandes lições.A Vida e a Morte interligadas numa dança eterna.

Foi o ano que soube quem eram os meus verdadeiros amigos, aqueles que incondicionamente me apoiaram, quais as pessoas com que realmente posso contar nesta vida.  Foi a melhor limpeza de todos os tempos...Algumas decepções mas o saldo foi muito positivo. Ficaram os bons , e a eles, e só a eles , dedico agora a minha amizade, carinho e empresto a minha força... Se temos que lutar e apoiar alguem, que seja alguem que realmente mereça, e este ano, vi com toda a clareza quem merece que seja amiga com todo o coração.
O resto, é mesmo o resto...

Foi o ano em que compreendi a incondicionalidade do amor. Havia atitudes que observava nas outras pessoas e achava que eram falta de amor próprio e não amor pelo outro. Hoje, depois de perceber as minhas proprias condicionantes, aprendi a dar valor a quem realmente sabe amar incondicionalmente (a quem não tem laços de sangue). É admiravel o que um ser humano é capaz de fazer quando movido por sentimentos profundos e verdadeiros...
E nem tudo o que luz é ouro. Grandes palavras valem muito pouco pois são as grandes atitudes que fazem a diferença...E as grandes palavras acabaram por dar lugar a atitudes de indiferença e falta de respeito por todo o caminho que tive de trilhar este ano. Se existem os que amam com toda a sua essencia também existem aqueles que falam de amor sem saber sequer isso o que é.
Foi um ano de extremos, tudo em grande: grandes decepções e grandes surpresas.


Foi o ano que no meio dos escombros iniciei um percurso para realizar um sonho antigo: estudar medicina tradicional chinesa. A forma de pensamento abstrata que correlaciona o Ceu e a Terra, que se permeia de sistemas energeticos e de praticas milenares, fascina-me completamente!
Tenho empatia com tudo o que são sistemas de cura e quem me conhece sabe que no meu percurso tenho tido muitas experiencias nesse ambito. Desde o yoga, ao reiki, passando pela astrologia, shamanismo e pelos oraculos este foi um ano em que conheci novas pessoas, algumas extraordinarias, e que tive a oportunidade de partilhar os meus conhecimentos e o meu apoio. Foram momentos de grande aprendizagem. Poder olhar o outro na Alma é algo que nos transforma por tudo aquilo que poderemos ter em comum e por tudo o que teremos de diferente...

Foi o ano em que presenciei amigos a lutarem pela sua vida e pela vida dos seus filhos, com doenças graves, de forma estoica e corajosa. Fico impressionada pela sua entrega e pela sua fé e optimismo, como uma força visceral que supera todos os obstaculos. Tem sido inspirador...

Foi o ano do apocalipse, em que pensei que o mundo fosse acabar...em que alguns momentos desejei que o mundo acabasse...em que tive de enfrentar os meus maiores medos  e inseguranças, em que pensei k iria ficar fragmentada para sempre...e foi certamente o ano em que descobri que realmente, o que não nos mata torna-nos mais fortes...E que existe sempre um caminho, uma saida nesta vida...

Veremos se 2014 será o ano da reconstrução, sobre fundações mais firmes e reais...Porque depois do abismo chega o momento de sair na outra margem, e recomeçar de novo, com mais maturidade e experiencia...chega um momento duma nova genese... E como conversava com um grande amigo, nem que seja  pelo prenuncio de um novo ano, a esperança de renovação se instala preparando-nos para a chegada de um novo ano cheio de oportunidades e de possibilidades...

E finalmente vou ter tia!!

Grata por todos os que continuam na minha vida depois de toda esta tempestade.
Adeus 2013  em que ainda pretendo aproveitar bem esta época natalicia...e espero por ti, 2014! :D

sexta-feira, dezembro 20, 2013

Vénus em movimento retrogrado




Deste hoje até dia 31 de Janeiro , Vénus vai estar em movimento retrogrado, ou seja a movimentar-se aparentemente , para trás em relação ao nosso planeta.

Qualquer astro em retrogração é sinonimo de atrasos, obstáculos e desafios. Representa a dificuldade em ver para além das ilusões, da expressão do lado sombra do astro em questão.

Sendo Venus a embaixadora da Justiça, do Amor, da Harmonia, da Diplomacia, é espectável que os relacionamentos inter-pessoais e até os valores e crenças pessoais mais profundas sejam comprometidas, obscurecidas por este fenomeno. A impaciencia, intolerancia, a dificuldade em colocar-se no lugar do outro vão dificultar a comunicação e a fluidez dos sentimentos.

Vénus está em transito em Capricornio. Sendo este o signo da maturidade espiritual , da austeridade, do isolamento emocional, mas também da responsabilidade e do compromisso, é provavel que os relacionamentos que superem este teste se fortalecem e estabeleçam raizes profundas e duradouras.

É no entanto tempo de limpeza e arrumação dos sentimentos , valores , crenças...Tudo o que nos impede de crescer tem de ser deixado para tras impreterivelmente, se não por opção, será por imposição das circunstancias da vida.

Aproveitem este tempo para reflectir sobre o que necessitam para estabelecer relacionamentos saudaveis e perenes com os que vos rodeiam. É tempo de escolhas, e de não perpetuar relações que não vos valorizem e não tornem os vossos dias melhores e mais bonitos!

Vénus estava linda e brilhante no céu...Que ironia :-)
E pronto: azar ao amor, sorte ao jogo?!


Festas Felizes!

Fada dos Dentes



No dia 12 deste mês , a separar os legos, o dentinho do primogénico caiu. Ficou apelidado "o dentinho do lego"....Ele ficou radiante com o acontecimento já que um dos colegas dele também já tinha perdido um dente. E ficou encantado a mostrar a nova janelinha no seu lindo sorriso...

Expliquei-lhe que devia colocar o dente debaixo da almofada antes de dormir, pois a Fada dos Dentes iria passar e troca-lo por um dinheirinho. Então, começou a planear o que iria fazer com o dinheiro...Decidiu que iria comprar um chocolate para partilhar com os amigos na escola! :D

Fiquei super-orgulhosa com a sua generosidade espontanea! É nesses momentos que fico com a certeza que ando a fazer alguma coisa de bom enquanto mãe...

E claro que nessa noite a Fadinha dos Dentes (a mãe) , cumpriu a sua missão e deixou dinheirinho para muiiiitttooos chocolates :D

Festa de Natal



A Festa de Natal...depois de dias sem fim de ensaios e preparações, lá chegou...
E entre canções e representações natalicias, as crianças e os professores que as prepararam ofereceram um momento cativante esperança e de dedicação aos pais e familiares...Um momento para também reflectir sobre a mensagem do Natal.
A plateia estava cheia e as crianças, do palco, procuravam com os seus olhinhos brilhantes pelos seus familiares e partilhavam com os amigos o entusiasmo de os encontrar naquele mar de gente.

Confesso que sou daquelas mães que acena e manda beijinhos para o meu filho...ele por enquanto ainda sorri e devolve os mimos :D
 E fico emocionada com a entrega e a dedicação que ele põe na sua participação. Mais uma vez , representou , cantou e dançou com o seu natural entusiasmo!

Mas a grande lição veio depois...
Na ultima semana não tenho sido eu a leva-lo e a traze-lo da escola pelo que, não recebi o recado que era preciso uma camisola vermelha e um chapeu de Pai Natal para a ultima canção, em que todas as turmas se juntaram para cantar uma canção de Natal...Escusado dizer k fiquei para morrer quando dei conta que o meu filho era o UNICO sem a camisola vermelha...Havia outros que estavam com outras cores , mas por opção...
Foi aquele momento em que um misto de irritação e decepção se apoderou de mim...Fiquei de rastos e fui controlando a vontade imensa de desatar a chorar no meio de toda aquela gente... As tentativas de minimização daquele episodio pelos que me rodeavam só me fez sentir ainda pior...

Para alguem que como eu leva a maternidade muito a serio, foi um golpe directamente no coração... É daquelas coisas que para mim NUNCA poderia acontecer, porque preparo com tanta antecedencia e dedicação tudo o que me pedem da escola...e sou assim também nas restantes situações da minha vida...Meses a me preparar para os eventos assinalados, sejam aniversarios, festas, testes, etc...

E no final do dia, nas nossas conversas antes de dormir, em que me deito com eles e seguro as suas maozinhas até adormecerem, perguntei-lhe se ele tinha ficado aborrecido de não ter levado a roupa como os outros meninos e pedi desculpa , que não tinha recebido o recado , não sabia que era preciso.
Ele respondeu: "Mãe. eu não fiquei triste, eu estava muito feliz! Não importa a roupa! Isso não importa! " e ainda acrescentou: "Estás sempre desculpada"...
Eu insisti: "Gostaste da tua festa?" ...Ele respondeu: "Gostei muito"

Fiquei tão comovida, ao mesmo tempo aliviada e de certa maneira feliz por saber que ele tem a capacidade de olhar com simplicidade para o que é realmente importante e aproveitar os momentos com toda a sua entrega... Porque o que importou foi partilhar aquela festa com a familia e amiguinhos num verdadeiro espirito de Natal.

Bem mais desenrascado que a mãe! Se fosse eu a passar por isso na idade dele, o espetaculo ia ser fora do palco :-)...

Tanta teoria, tanta filosofia, e são estas as verdadeiras lições da Vida.

Equilibrio



"O clima severo é outro inimigo dos animais de sangue frio, que são altamente sensíveis à temperatura. Na temperatura de 4ºC, as borboletas ficam completamente imóveis e não podem voar até que sua temperatura interna alcance 28ºC [fonte: Ajilvsgi]. Além disso, ventos e chuvas hostis podem derrubar as borboletas e afogá-las. Finalmente, tanto as borboletas quanto as lagartas são sensíveis ao uso de pesticidas "

...Se considerarmos as temperaturas baixas como os comportamentos frios e as temperaturas altas, como os excessos de paixão, parece-me que a analogia se mantem...

...tubilhões emocionais, ligados ao elemento Agua, podem representar as tempestades que sufocam e abafam os sentimentos mais suaves e sensiveis... 


...outras lagartas...outros sentimentos? existem tantos que sao incompativeis com o amor...orgulho, arrogancia, insensibilidade...


...produtos tóxicos...a vida é feita de desafios, e o maior de todos é o desafio de lidar com as situações complicadas sem perder o equilibrio...todos temos obstaculos para transpor, faz parte do caminho de crescimento pessoal...o que nos distingue é a atitude que mantemos perante a adversidade.

"O problema não é termos problemas.O problema é achar que isso é um problema." :D


E novas lagartas nascem e transformam-se em borboletas, num ciclo de renovaçao da propria Vida...


quarta-feira, dezembro 18, 2013

Last Full Moon of the Year

...Be Inspired... :D

Puppy Love


Depois de varias pretendentes apaixonadas, o primogénito finalmente rendeu-me ao amor :)

Esquivou-se às meninas que o chamaram de principe, às que amorosamente lhe puxaram o cabelo, às que lhe ofereceram lencinhos de papel com bonecos, às que tinha de avisar que beijinhos só na cara...Mas finalmente uma moreninha de cabelos lisos e brilhantes, de olhos negros rasgados e estrelinhas nas unhas, conseguiu conquista-lo.
Chegou a casa a pedir para ela ir lá lanchar e ficar a dormir...pois é...a mãe até tenta ser moderna, mas avisei que não poderia ficar a dormir la em casa, pois a menina depois ia sentir falta da sua familia :D

Hoje, foi o ultimo dia de escola e a despedida foi feita de abraços demorados e beijinhos sem fim ( na cara), como se fosse para ficar na memoria durante todo o tempo de férias... Ela abraçou-o com tanta intensidade que percebi quem era a minha primeira "norinha" ... E ainda saiu do parquinho a correr para o corredor para lhe dar um ultimo abraço e mais umas beijocas a estalar! :D

So lhe perguntei: "A Matilde dá uns abraços fortes?"
E ele respondeu: "Sim, somos os dois fortes!"

Enfim... passei  para segundo lugar no podium, mas fiquei encantada com todo aquele carinho inocente que partilharam no momento de despedida...

Puppy love...é eterno enquanto dura... e é lindo demais! :D

Many blessings

To all Creation... Many blessings...

segunda-feira, dezembro 16, 2013

Daylight

Assim começou o meu dia com a RFM!

Cada dia é feito de imponderaveis momentos que nos transformam , que fazem com que nunca mais sejamos os mesmos. 
Sejam coisas simples como um sorriso inesperado ou um olhar de carinho, acrescentam luz à nossa vida e dão-nos inspiração para continuar a enfrentar os desafios.

E chega o amanhecer, com outras cores...E fica a gratidão por todos os pequenos milagres k compoem o nosso caminho...


Aimlessness - The Four Immeasurable Minds

Sinto-me albarroada pela  logistica silenciosa que se impoe. É o programa de festas dos Finalistas com todos os seus predicados. É o t...